The Physics of Computation Conference

Foto da conferência citada, de 1981, onde o físico norte-americano Richard Feynman pela primeira vez apontou a possibilidade do uso dos próprios átomos para simular propriedades quânticas, ao invés de utilizar a lógica binária dos computadores clássicos. Para uma descrição de cada um dos pesquisadores da figura, vide: https://mitendicotthouse.org/physics-computation-conference/

Aulas do CERN sobre computação quântica

O CERN, instituição europeia para pesquisa nuclear, vai transmitir uma série de aulas sobre computação quântica, a partir de 6 de novembro. Lecture 1/7, Friday 6 November: https://indico.cern.ch/event/970903/ Lecture 2/7, Friday 13 November: https://indico.cern.ch/event/970904/   Lecture 3/7, Friday 20 November: https://indico.cern.ch/event/970905/ Lecture 4/7, Friday 27 November: https://indico.cern.ch/event/970906/ Lecture 5/7, Friday 4 December: https://indico.cern.ch/event/970907/ Lecture 6/7, Friday 11 December: https://indico.cern.ch/event/970908/ Lecture 7/7, Friday …

Continue lendo Aulas do CERN sobre computação quântica

A vida é uma simulação?

Baseado no podcast do grande físico Scott Aaronson, no link no final do texto. Pergunta: A vida é uma simulação? Resposta: Isso não faz diferença alguma. Se for uma simulação perfeita, ela será indistinguível da realidade. Só faz sentido fazer a pergunta se for uma simulação imperfeita. Uma falha na Matrix, que poderia ser explorada …

Continue lendo A vida é uma simulação?

O Nobel de Física 2020 vai para Roger Penrose

Os outros dois não conheço. Mas Penrose é famoso por ter diversos livros, padrões de preenchimento (https://en.wikipedia.org/wiki/Penrose_tiling) e também por trabalhar com Stephen Hawking. https://www.uol.com.br/tilt/noticias/redacao/2020/10/06/nobel-de-fisica-premia-trio-por-descobertas-sobre-buracos-negros.htm Aliás, Hawking dizia que nunca ganharia o Nobel, porque buracos negros são coisas difíceis de identificar e de comprovar algo sobre. Se Hawking estivesse vivo, certamente seria um dos laureados. …

Continue lendo O Nobel de Física 2020 vai para Roger Penrose

Partículas virtuais

Outra grande bizarrice de mecânica quântica é a existência de "partículas virtuais". São partículas fantasma, que surgem e desaparecem em um espaço de tempo curtíssimo, 10^-43 segundos. Tem relação com o princípio da incerteza de Heisenberg. Há uma indeterminação entre posição e momento de uma partícula qualquer. Portanto, se dentro da margem de energia da …

Continue lendo Partículas virtuais

A bomba de Elitzur – Vaidman

Em física quântica, é possível explodir uma bomba sem explodi-la de fato! Este é um experimento mental, desenvolvido pelos pesquisadores que levam o nome. Um lugar tem uma série de bombas, com um sensor que detecta um único fóton e explode. Há bombas reais, e há bombas desativadas. Como descobrir quais as bombas reais e …

Continue lendo A bomba de Elitzur – Vaidman

Pontos quânticos

Pontos quânticos (quantum dots) são materiais semicondutores em escala nanométrica. Nesta escala de tamanho tão diminuta, o material tem propriedades especiais. Um elétron pode ficar confinado num ponto quântico, e responder com níveis quantizado de energia - como se estivesse num átomo, daí o termo "átomo artificial". Algumas aplicações possíveis: televisores, leds, qubits em computação …

Continue lendo Pontos quânticos

O interferômetro de Mach-Zender

O interferômetro de Mach-Zender demonstra algumas esquisitices da Física Quântica. É uma forma de entender a dualidade Onda-Partícula, e também o efeito da medição. Este foi realizado em 1892, por Ludwig Zehnder e Ludwig Mach (filho de Ernst Mach, da velocidade Mach). Uma fonte (F) dispara um laser (feixe de fótons com fase coerente), atingindo …

Continue lendo O interferômetro de Mach-Zender

Questions and Answers Scott Aaronson – Parte III

Continuação de https://informacaoquantica.wordpress.com/2020/07/16/questions-and-answers-scott-aaronson-parte-ii P. O que você acha de Topologial quantum computer? R. Espera que dê certo. Ele fala com o pessoal de supercondutores, armadilhas de íons, e todos os outros. O topológico é muito especulativo e ambicioso, mesmo neste campo. Em supercondutores, atualmente tem uns 50 qubits programáveis.Em topológicos, 0 qubits. É realmente muito, …

Continue lendo Questions and Answers Scott Aaronson – Parte III